Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linha White

Desvitalizações

Bom dia,

 

Faz um ano que desvitalizei um pré-molar (mandibula superior). Embora eu me tenha queixado em tempo real (i.e. aquando do processo) de sensibilidade do dente à medica, esta simplesmente nada fez, pelo que fechou o dente. 7 meses depois voltei a queixar-me do dente sendo que me foi dito que tinha uma carie. Foi restaurado, com um parafuso. Voltei a sentir um desconforto, e cresceu um pequeno granulo no osso, na raíz do dente. Depois de efectuar um radiografia, após sucessivas queixas a outro medico, foi-me dito que a desvitalização não tinha sido bem feita e que podia re-desvitalizar o dente. No entanto, consultei outras opiniões de outros profissionais me disseram que seria dificil retirar todo o cimento até chegar à raíz e que o melhor seria portanto tirar o dente definitavemente (visto que não apresenta infecção nem quisto). Não queria de forma nenhuma tirar o dente, mas simultaneamente tenho dúvidas sobre a viabilidade do processo e receio de acumular problemas em relação ao osso impedindo-me de colocar um implante. O re-tratamento é possível nestes casos com elevada percentagem de sucesso ou não?

 

Cumprimento,

 

Liliana Silva

 

 

Bom dia!

Obrigado pela sua mensagem.


A  Endodontia (desvitalização) é uma das especialidades mais díficeis da medicina dentária. Desvitalizar um dente correctamente é um trabalho minusioso e de grande precisão. Uma vez que o sistema de canais contidos dentro da raiz dos dentes é um sistema microscópico e com uma variedade anatómica bastante diversa, muitas vezes são necessários equipamentos e materiais dispendiosos que muitas vezes não são utilizados por todos os profissionais. O conjunto de todos estes factores faz com que o tratamento em questão não seja bem executado levando mais tarde ao aparecimento de lesões e infecções na raiz do dente e tecidos adajentes (osso). Quando tal acontece, por vezes, é possivel fazer um retratamento simples que consiste na remoção do material que está no interior dos canais, limpeza e desinfecção dos mesmo e um novo encerramento. Noutras situações tal não é possível, por exemplo quando a lesão é muito extensa. Nestes casos, na tentativa de salvar o dente é possível recorrer-se a uma pequena cirurgia (apicectomia) que consiste em remover a lesão e o apéx (ponta) da raiz e retratar o dente a partir da raiz. Este tratamento quando bem executado costuma ter sucesso e é uma alternativa à extracção.


Aconselho-a a consultar um médico dentista e fazer um diagóstico e um plano de tratamento correctos e adequados ao seu caso. 


Esperando ter sido útil,
Cumprimentos,
Equipa WHITE

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.