Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linha White

Reconstrução Mamária

A reconstrução mamária é realizada para restaurar a mama que foi removida devido a cancro ou outras doenças. Formada através do uso de tecidos do abdómen e/ou das costas, ou através do uso de expansores e implantes, a reconstrução da mama deverá aproximar-se das expectativas da doente, quer do ponto de vista psicológico, quer do estético, nomeadamente no que diz respeito à simetria (forma e volume) com a mama oposta. A cirurgia Reconstrutiva é uma decisão pessoal, pois só a mulher mastectomizada ou na iminência de o ser poderá avaliar o significado dessa cirurgia e decidir fazê-la ou não. No entanto é recomendada sob vários aspectos, principalmente do que diz respeito ao reequilíbrio psicológico da mulher que está a vivenciar uma experiência como esta.


Após a Mastectomia procede-se então à reconstrução da mama e da parede torácica, apesar destes dois últimos processos poderem ser efectuados na mesma altura em que é feita a Mastectomia; posteriormente é feita a reconstrução do mamilo e aréola propriamente dita. As técnicas utilizadas, as quais serão devidamente explicadas à paciente durante a consulta, e que estarão em conformidade com todos os pontos anteriormente referidos no que diz respeito a cada uma das situações, são as seguintes:


- MICROCIRURGIA (DIEP e TDAP); Esta é a cirurgia mais avançada do mundo em termos de reconstrução mamária, para além de ser a que apresenta melhores resultados.

- TRAM;

- EXPANSORES E PROTESES;

- LD – LATISSIMUS DORSI;

- RECONSTRUÇÃO DO MAMILO;

- TATUAGEM DA ARÉOLA;

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.