Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Linha White

PLANEAMENTO DIGITAL DA COLOCAÇÃO DE IMPLANTES DENTÁRIOS

Apesar das elevadas taxas de sucesso dos implantes dentários descritas em vários estudos científicos, existem por vezes complicações associadas aos mesmos. Estas complicações podem ser relacionadas, entre outros, com as coroas colocadas sobre os implantes ou com a cirurgia em si. A grande maioria destas complicações pode ser evitada através da realização de um planeamento altamente rigoroso antes da cirurgia. O planeamento digital da colocação de implantes dentários permite que os implantes sejam colocados na melhor posição possível tendo em conta não só osso disponível, mas também a prótese final. A utilização desta tecnologia melhora bastante o prognóstico das reabilitações dentárias com implantes. O planeamento digital culmina no desenho (também digital) de uma guia cirúrgica que depois é impressa e usada no dia da cirurgia para colocar os implantes na exata posição que foi planeada.

Do ponto de vista do paciente, o procedimento clínico necessário para poder obter as guias cirúrgicas, é muito simples: basta fazer um molde da boca do paciente e um exame radiográfico que avalia o osso em três dimensões.

A baixo encontram-se algumas imagens ilustrativas deste procedimento:

 

Diapositivo1.JPG

Fig.1: Situação inicial

 

Diapositivo2.JPG

Fig.2: Impressão digital da boca do paciente

 

Diapositivo3.JPG

Fig.3: Exame radiográfico que permite avaliar osso em 3D

 

Diapositivo4.JPG

Fig.4: Planeamento digital dos implantes

 

Diapositivo5.JPG

Fig.5: Planeamento digital dos implantes e desenho da guia cirúrgica

 

Diapositivo7.JPG

Fig.6: Planeamento digital dos implantes e desenho da guia cirúrgica

 

Diapositivo9.JPG

Fig.7: Modelos 3D e guias cirúrgicas

 

Diapositivo10.JPG

Fig.8: Cirurgia de colocação de implantes através da guia

 

 

Diapositivo11.JPG

Fig.9: Cirurgia de colocação de implantes através da guia