Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linha White

DIETA 1,2,3

A aquisição / compra do livro: “Dieta 1,2,3” da Nutricionista Dra. Iara Rodrigues possibilita-lhe o desconto do valor do livro numa primeira consulta de Nutrição na Clinica White, com a respetiva Nutricionista e autora do livro.

 

Pode marcar já a sua consulta de Nutrição através do contacto: (+351) 21 396 27 27.


 

 


Condições de Utilização da oferta do valor do livro numa primeira Consulta de Nutrição na clínica WHITE:


1.     CONDIÇÕES GERAIS

1.1   A aquisição / compra do livro: “Dieta 1,2,3” da Nutricionista Dra. Iara Rodrigues possibilita-lhe o desconto do valor do livro numa primeira consulta de Nutrição com a respetiva Nutricionista e autora do livro;

1.2   A oferta não poderá ser utilizada em consultas de seguimento, suplementos ou exames clínicos;

1.3   Apenas será válida a apresentação de um livro por pessoa;

1.4   Para que lhe possa ser atribuída a promoção deverá trazer o livro que adquiriu/ comprou como comprovativo, o qual será assinado pela autora durante a consulta e não poderá ser utilizado por outra pessoa para usufruto da promoção;

1.5   No momento da marcação da primeira consulta, através do telefone (+351) 21 396 27 27, deverá ser mencionado a aquisição/ compra do livro: “Dieta 1,2,3” da Nutricionista Dra. Iara Rodrigues para lhe poder ser atribuído o desconto.

 

2.     PERIODO DA PROMOÇÃO

2.1   A oferta começa dia 20 de Fevereiro de 2013;

2.2   A oferta termina em 30 de Setembro de 2013;

2.3   Após a data de termo a oferta deixa de ser válida.


3.     CONDIÇÕES FINAIS

3.1   A oferta pode ser cancelada pelo autor a qualquer momento, no caso de se verificarem condições objectivas fora do controlo do autor que conduzam para tal efeito;

3.2   Todas as reclamações sobre a promoção poderão ser enviadas ao autor, para o seguinte endereço:

 

Clínica WHITE – Departamento de Nutrição

Arquipark – Rua Dr. António Loureiro Borges, Edif. 5, 1º piso - Miraflores

1495-131 Algés

                   

 

Respirando - Programa de Cessação Tabágica

Para todos os que pretendam respirar melhor, aumentar os seus anos de vida, melhorar a qualidade de vida, aumentar o seu orçamento mensal e obter resultados mais rápidos nos tratamentos da White sem quaisquer complicações pós-operatórias.

 

Quantas vezes já tentou deixar de fumar? Sabia que apenas 5% dos fumadores que tentam deixar de fumar o conseguem fazer sem ajuda de um programa especifico? Com o programa respirando ajudamo-lo com esta tarefa. Aceita o desafio?

 

O Tabaco e os Tratamentos

Quando procura um tratamento estético pretende melhorar a sua aparência, mas o hábito de fumar pode ser um obstáculo para chegar ao resultado pretendido. A nicotina provoca um efeito vasoconstritor das artérias e veias dificultando as circulações periféricas, diminuindo assim a capacidade de cicatrização do organismo. Para além da dificuldade de cicatrização, podem surgir complicações pós-operatórias.

 

O Tabaco e os Tratamentos Dentários

O hábito de fumar tem um efeito prejudicial nos resultados dos tratamentos dentários

- Escurece os dentes;

- Prejudica a higiene oral;

- Pode criar infecção depois da cirurgia;

- Aumenta o risco de doenças orais. Os fumadores têm 7 vezes mais probabilidade de desenvolver cancro oral;

- Duplica o risco de fracasso de implantes dentários, sendo em muitos casos uma contra-indicação;

- Aumenta a perda de osso alveolar, podendo diminuir resultados de enxerto ósseo.

 

O Tabaco e a Cirurgia Plástica

- Dificuldade na cicatrização;

- Aumento da probabilidade de surgirem cicatrizes hipertróficas (grossas e dolorosas);

- 3 vezes mais probabilidade de apresentar necrose da pele;

- Aumenta o tempo de edema (inchaço), pois a nicotina retarda a drenagem linfática;

- Maior risco de infecções;

- Maior risco de intercorrências referentes à anestesia;

- Maior risco de trombose venosa;

- Retarda o processo de recuperação no pós-operatório, atrasando o resultado.

 

O Tabaco e a Pele 

- Sabia que o tabagismo é mais responsável por alterações na pele do que o excesso de sol? Estudos mostram que as fibras elásticas da pele dos pacientes fumadores são afectadas em 100%. A nicotina destrói as fibras de colageno e elatina, favorecendo a flacidez e consequentemente levando ao envelhecimento precoce.

- A pele da face de um fumador tem aparência acinzentada, com rugas, vincos, linhas nos cantos dos olhos, à volta dos lábios, numerosas linhas superficiais nas bochechas e região mandibular, proeminência óssea, aprofundamento das bochechas e atrofia da pele. Esta aparência é causada tanto pelo efeito do fumo em si como do efeito do acto de fumar.

- O cigarro diminui a irrigação sanguínea da pele, prejudicando a sua oxigenação. Como consequência, as fibras de sustentação deterioram-se causando rugas profundas e aparência envelhecida da pele.

- O fumo também está associado ao aparecimento de celulite pela sua influência na circulação sanguínea e excesso de toxinas que acabam por propiciar a formação de depósitos de gordura e consequentemente o temível efeito “casca de laranja”.

- O fumo seca os cabelos, deixando-os sem brilho.

Se decidir parar de fumar deve saber que a melhoria da sua pele não será imediata e que os tratamentos dermatológicos o irão ajudar a melhorar o seu aspecto.

 

Criámos o programa mais completo para o ajudar a deixar de fumar.

 

Programa Completo  Múltiplas Abordagens

Juntámos abordagens comprovadas como eficazes para deixar de fumar.

Sessões individuais (12 sessões) - Contexto de aprendizagem de estratégias, partilha de experiencias e procura de soluções.

Biofeedback e Neurofeedback - 7 sessões individuais, para avaliar o nível de tensão perigosamente reactiva e alterar o estado fisiológico interno que leva ao consumo, eliminando ou reduzindo a vontade e o impulso para fumar.

Nutricionista (3 sessões) - Para que não corra o risco de aumentar em peso o que diminuir em cigarros consumidos. Ajudará a conhecer alguns alimentos calmantes e que ajudam na cessação.

 

Vantagens do Programa Respirando

- Ao longo de 6 meses poderá aprender um conjunto de estratégias que o ajudarão a deixar de fumar. Pode treinar técnicas de relaxamento que lhe irão ser muito úteis sempre que surgir o impulso para fumar, técnicas de motivação, aprender a monitorizar as suas reacções e consumos e criar alternativas viáveis ao hábito.

- Apoio de recaídas durante 4 meses – Estudos indicam que quem deixa de fumar faz entre 4 a 7 tentativas antes de o conseguir. Isto significa que as recaídas têm que ser prevenidas. Durante estes 4 meses vamos apoia-lo nas dificuldades e ajudá-lo a rapidamente inverter eventuais deslizes.

Que máscaras usa?

Quando usamos uma mascara de Carnaval podemos esconder a nossa identidade e transformarmo-nos nem que seja por breves momentos. Podemos dar azo à fantasia e mergulhar nos vários “eus” que habitam dentro de nós.

Muitas vezes usamos mascaras sociais como esconderijo da nossa identidade, de forma a sentirmo-nos mais seguros e protegidos. Na realidade usamo-las todos os dias e é desta forma que desempenhamos os vários papeis nas nossas vidas – o papel de mãe, de filho, de amigo, de namorado, de profissional. É com estas mascaras que nos relacionamos e que temos as atitudes adequadas para cada circunstancia.

Usarmos mascaras sociais não significa que sejamos falsos ou más pessoas. Se observar o comportamento de determinadas pessoas em contexto social, por exemplo numa festa, vai reparar em múltiplos tipos de mascaras. Verá os mais curiosos, os reservados, os desconfiados, os excêntricos e uma infinidade de outras formas de estar em ambiente festivo.

Comportamo-nos de determinada forma quando estamos numa festa com amigos e de outra totalmente distinta se estivermos no nosso local de trabalho. Assumimos posturas diferentes, adequadas a cada contexto. O vocabulário que usamos muda, vestimo-nos de forma diferente e interagimos mostrando mais ou menos as nossas emoções.

Contudo, é importante perceber se o uso destas mascaras é efectivamente vantajoso, isto é, se garantem a aprovação dos outros, melhoram o seu desempenho nas diversas áreas da sua vida e lhe trazem bem-estar. Se pelo contrario o tornam numa pessoa menos espontânea, mais receosa, insegura ou mais dependente da opinião dos outros, então talvez esteja na altura de mudar de mascara. Ou seja, é importante reflectir:

Quem é que está por trás de todas estas mascaras que usa e que função desempenham na sua vida?

 

Pense nisto!

 

 

 

 

Catarina de Castro Lopes

Diretora Clínica de Psicologia na White

EXCESSOS ALIMENTARES NO NATAL

Natal é estar junto de familiares e amigos e passar horas em torno da... mesa!


A grande questão coloca-se: comer ou não comer? A verdade é que nem sempre é “possível” resistir, nem passar a véspera de Natal a contar calorias…

 

Com toda a informação que recebemos diariamente sobre alimentação, por vezes fica esquecido que, também, a alimentação passa pelos aspetos emocionais e sociais, pelo convívio e o estar em família à mesa, pelo dom de transmitir afetos e até opiniões.

 

Cometer alguns excessos alimentares em ocasiões especiais não representa um perigo para a saúde, desde que, não se arraste durante dias ou mesmo semanas consecutivas, comummente observado ao longo de todo o mês de dezembro.

 

Mentalize-se: engordamos de janeiro a dezembro e não de dezembro a janeiro!

 

O que se pretende recomendar é moderação nesta fase. Faça um “excesso equilibrado”, consciente e não deixe para depois o que pode já ir controlando agora... Os aumentos de peso característicos desta época, em alguns casos dramáticos, podem demorar meses a ser compensados. Posto isto, não acumule dificuldades!

 

Por isso pense e planeie antes, para não se arrepender depois!

 

Obviamente que não se pretende quebrar os rituais e os hábitos nesta época do ano, apenas existe o objectivo de alertar eventuais excessos que, tipicamente, ocorrem nesta altura do ano.

 

Neste sentido, o melhor conselho que posso dar a quem quer minimizar os excessos durante a época Natalícia é que siga as “regras” de uma alimentação saudável: completa, equilibrada, variada e moderada.

 

Caso não o faça, de todo… em Janeiro, vai sempre a tempo de entrar nos eixos! 

 

Iara Rodrigues

Directora do Departamento de Nutrição WHITE